República Paz & Amor

Por favor, aguarde...

República Paz & Amor

Vá ao Teatro e Não Me Leve.

Por | 3 de maio de 2019
capainterpre
22 Comments
  • author avatar
    Felipe 4 meses ago Responder

    A muito os malas que articuladores de careca tomaram conta da nossa torcida. Sao os mesmos idiotas iletrados que elegem besta atras de besta para os cargos de poder. Nossa torcida perdeu a elegância arthur, a finesse .
    Idiotas amestrados nao reconhecem seus erros achando que todos sao tao idiotas quanto eles. Estavam antes no Capão da gavea e estao agora com outro grupo agorafobico.
    Esses bananas new wave acham que presidente da República precisa de torcida e tecnico precisa de apoio. Verdadeiros indolentes de virilidade suspeita.
    Abel eh um joel santana recauchutado que nao conseguiria montae um time competitivo nem se contasse com codigo de grana infinita.
    Ví ao vivo a tragedia que eh para e rene nas nossas abas e a tristeza de arao tentando a todo custo nao mostrar a perebagem. Nao sao culpados de se donaiderarem aptos para vestir o manto. A culpa eh do cara que distribui ele.

  • author avatar
    Carlos Moraes 4 meses ago Responder

    Não comentei logo.
    Não sei se dei sorte ou foi o contrário.
    O nosso Grão Mestre, que, não fosse do futebol (especificamente do Flamengo), poderia ser o ^novo^ Stanislaw com seu Febeapá, com extrema sutileza mandou ver uma pérola – ^Brasil … atual Líder Mundial da Cruzada contra a inteligência^.

    Perfeito. Insuperável observação.

    Eis que, para não ficar para trás, o Conselho Diretor do Flamengo dá a sua contribuição. Das grandes. Enorme.
    Lançou, há poucas horas, precisamente às 11.47 H desta sexta-feira, dia 3 de maio de 2019, uma (diria, mais uma) Nota Oficial que é um primor. Nota DEZ no Festival de Besteiras.

    O THe Trooper vai ficar irado, mas, como não sou chapa branca, não posso deixar de criticar acremente o Landim e seus comparsas.

    Que HORROR ! ! ! ! !

    O primeiro parágrafo é ESTARRECEDOR.
    Dá destaque à Florida Cup e a ^vitória^ sobre um ^provável finalista^ da Champions League.
    Como sempre, a TRISTE MANIA de ENGANAR os torcedores.
    Inqualificável, partindo da cúpula do time.

    Será possível que estes pascácios não conhecem um mínimo de futebol.
    Será possível que não sabem que o ^provável finalista^ tem um time, ao contrário do nosso, perfeitamente definido, sabendo-se de cor os seus onze integrantes.
    Será possível que não tiveram o mínimo interesse de constatar que o ^provável finalista^ jogou com um time e EMPATOU com o Flamengo e com outro, o TITULAR, poucos dias após, goleando o São Paulo (atual líder do Brasileirão, na linha de pensamento do Febeapá).

    Seguem super dimensionando o Carioca, do qual fomos o INCONTESTE campeão.

    Para, enfim, chegar onde pretendiam, a perseguição da Imprensa, dos antis, dos próprios torcedores, de forma organizada à própria instituição Flamengo, em última análise a ele, Conselho Diretor de Merda.

    O Arthur, com sua inteligência e na base da gozação, acabara de criar um ^Grande Acordo Nacional para Fuder o Flamengo^.

    Os caras leram, gostaram (eu também) e levaram a sério.

    Cá entre nós, devem ter consultado o famoso Olavinho de Belford Roxo, guru do nosso Aureo Rocha.

    O FIM DA PICADA

    Nem tenho coragem de terminar como sempre, tamanha a minha vergonha.

    Prefiro o filósofo Sued, Mestre Incomparável

    ^A démain, que eu vou em frente, até porque cavalo não desce escada.^

    • author avatar
      Aureo Rocha 4 meses ago Responder

      Meu caro Carlos Morais,
      não se surpreenda se torcedores se deixarem enganar por essa tal Nota Oficial, porque se brasileiros com razoável grau de instrução acreditaram na existência da mamadeira de piroca, imagina os apaixonados pelo Flamengo…

      SRN!

  • author avatar
    Marco Gama 4 meses ago Responder

    Arthur, acho sensacional ver a história se repetindo um milhão de vezes e fico me lembrando dos comentários de alguns nobres leitores desse espaço (ou leitores desse espaço nobre?) atribuindo todos os vexames nacionais e internacionais do Flamengo nos últimos 6 anos ao Bandeira de Mello, usando adjetivos como pé-frio, Banana, paternalista, etc.

    Nada pode ser mais ingênuo, injusto e leviano do que esse tipo de análise.

    Bandeira foi, na minha opinião, o responsável por não deixar o Flamengo se juntar ao Faísca, Vasca e Flor no grupo dos times mais falidos do Brasil.

    Teve seus erros? Claro que sim, principalmente quando ficava defendendo jogadores de baixo nível técnico (ex.: Vaz. MA, Muralha, etc.) alegando serem patrimônio do clube.

    Mas o que temos agora? Um time muito mais caro, cheio de “estrelas”, e um futebol infinitamente pior ao jogado nos temos de Zé Ricardo, Barbiere e Rueda, que tinham muito menos opções na equipe.

    Mais do que cansado dos papelões do Flamengo na Liberta, estou indignado com a baixa qualidade do futebol apresentado por esse time, obviamente muito mal treinado pelo Abel.

    Seria um gesto muito nobre dessa diretoria reconhecer que erram feio ao demitir o Dorival só porque ele representava a antiga diretoria, mas humildade definitivamente não é uma das qualidades do Landim e sua turma.

    A única coisa que eu espero é ver esse time do Flamengo, com vários jogadores de qualidade, jogar um futebol que me faça ao menos não ter certeza absoluta que vai perder em qualquer jogo lá no Sul ou em qualquer jogo da Liberta contra um time sem tradição alguma, seja no Maracanã lotado ou na cada dos caras.

    Um time que jogue, mais ou menos, como jogava aquele time de 2013, liderado pelo Elias, na Copa do Brasil. Vc sabia que, apesar das limitações, ninguém ia ganhar daquele time se não jogasse muita bola, mesmo que tivesse o VAR para nos ferrar.

    É pedir demais?

    SRN.

    • author avatar
      Leonardo Luz 4 meses ago Responder

      Impressionante; aquele time era tecnicamente muito inferior ao atual, mas, fui àquelas oitavas de final com o Cruzeiro com uma grande – não direi certeza – confiança que conseguiríamos o resultado.

      Fui com o mesmo espírito nos outros jogos da Copa do Brasil. Cheguei a me empolgar de ir ao Paraná para o primeiro jogo da final. Não fui e, atualmente, às vezes me arrependo.

      Saímos atrás (gol do Cirino), porém, o time sempre passava a sensação de reagir. Amaral empatou num chutaço de fora da área. A festa da torcida ao final, festejando o resultado com confiança para a conquista no Maracanã… pqp, fiquei até arrepiado.

      Portanto, sigo o relator. Tá faltando isso. É pedir demais?

    • author avatar
      Leonardo Luz 4 meses ago Responder

      Corrigindo, contra o Cruzeiro.

      Aliás, tenho o texto do Arthur daquele jogo guardado. Excelente!

      http://globoesporte.globo.com/rj/torcedor-flamengo/platb/2013/08/29/o-flamengo-pode-tudo/

      SRN

  • author avatar
    Xisto Beldroegas 4 meses ago Responder

    Começo parodiando Auguste de Saint-Hilaire (“ou o Brasil acaba com a saúva ou a saúva acaba com o Brasil) que o meu irmão de páginas e túmulo, o Policarpo Quaresma, na obra prima de nosso pai Lima Barreto sofreu na pele no seu pequeno sítio, pois eu afirmo : ou o futebol do Brasil acaba com o Var ou o Var acaba com o futebol do Brasil ( se é que ainda existe, quer dizer, o futebol e o Brasil). Esse novo monstrengo da tecnologia vai acabar com o que ainda resta de nosso futebol, pelo menos da maneira que hoje aqui é usado. Mário Vianna com seus dois indefectíveis enes foi o pioneiro do comentarista de arbitragens com seus berros: na banheira!, gol legal! No correr dos anos, enquanto a arbitragem brasileira se afundava dentro de campo, o especialista em tal mister(epa!) crescia fora dele, e bota crescimento nisso, agora eles pululam nas transmissões esportivas. São compostos de ex-árbitros, cujas senhoras mães o tempo em que estavam na ativa foram xingadas veementemente pelos torcedores e agora na chamada em cima da carne-seca eles metem o sarrafo nos companheiros da ativa, até então, só podiam vociferar, claro, sem o famoso “não passa de um soprador de apitos” do nosso já citado MV. Aí é que entra o VAR, a tal sopa no mel para os senhores árbitros, ou juízes, ou sopradores de apito, refree, o escambau, o VAR colocou-os todos num cubículo, diante de um computador ( ou melhor, vários), com uma diferença fundamental, eles agora podem não só discordar da arbitragem como interferir nos resultados. E eles estão aproveitando. Com uma risadinha tipo Dr. Silvana, o arqui-inimigo do Capitão Marvel, vão mandando `”às favas os escrúpulos”, fazem sua farrinha com os resultados que lhe vêm a cabeça. Onipotência maior, nem o guru do atual Bananão/Laranjal, um certo astrólogo metido a filósofo. Existe melhor catarse?

  • author avatar
    Marcio 4 meses ago Responder

    “É assim que se combatem os erros nas organizações, dobrando as apostas erradas.”
    Aqui no meu trabalho é assim também. Talvez seja cultura organizacional brasileira.

    “Uma é que para o Flamengo perder lá em Porto Alegre é normal.”
    Não deveria ser normal. Flamengo tem déficit de testosterona quando sai do RJ? Quando pega o avião pro Sul despacha os culhões pro norte?

  • author avatar
    chacal 4 meses ago Responder

    esse presidente que não perde a oportunidade de alfinetar seu antecessor,não apresentou solução nenhuma para os problemas do time.
    pelo contrário,gastou horrores e tudo leva a crer que continuaremos no cheirinho….pqp !
    eu posso falar mal do abel braga,pois fui contra a sua contratação.
    cara tá mais pra papai joel do que outra coisa…
    no inicio do ano era só meter a mão no bolso e igualar a oferta do grêmio que o renato vinha,quem dispensa uma diferença de meio milhão por mês?
    hoje até o Rômulo está jogando bem nas mãos do renato,enquanto aqui no flamengo com esse elenco de luxo vamos fazendo jogos sofridos.
    na minha opinião mandava esse gagá pra pqp ONTEM.
    falar que beira-rio é mais bonito que o maraca,tá de sacanagem !
    já sabe que vai dançar no mengão e foi fazer média com os gauchos.
    imagino que essa diretoria não vá contratar o Dorival de volta,séria dizer que erraram no planejamento.
    os melhores treinadores estão empregados…só se tirar alguém de outro club.
    enfim…..

    SRN !

  • author avatar
    Aureo Rocha 4 meses ago Responder

    Desde o início do ano, eu venho afirmando: Não confio no time, no técnico e na diretoria. E eu disse isto, mesmo logo após a conquista do Campeonato Carioca.

    Assistindo aos jogos pela televisão, não se tem uma visão ampla do campo de jogo. Entretanto, nessa derrota contra o Internacional, apesar disto, eu consegui observar que o time jogava todo espaçado, contrariando a dinâmica do futebol moderno em que os times devem jogar compactado.

    Por outro lado, quando o ataque perdia a bola, não sei se por cansaço ou se por desejar derrubar o Abel, o meio de campo e principalmente o ataque, invariavelmente, não voltavam para proteger a defesa, que ficava desprotegida.

    Eu concordo com o João Neto, o Dorival Júnior vinha fazendo um bom trabalho no Flamengo, além de ter demonstrado a necessária coragem para barrar os chamados figurões.

    Entretanto, a covarde diretoria, (covarde para não usar um termo mais agressivo) que ainda não indenizou as famílias dos garotos mortos no incêndio do Ninho do Urubu, preferiu começar do zero com o Abel a manter um trabalho que vinha, até certo ponto, dando certo com o Dorival Júnior.

    Poucos se lembram, porém o aproveitamento do Flamengo sob o comando do Dorival Junior foi de 72,7%. Um percentual bem razoável.

    Infelizmente, hoje no Brasil, cabe aplicar-se facilmente as seguintes palavras de Rui Barbosa:

    “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça; DE TANTO VER AGIGANTAREM-SE OS PODERES NAS MÃOS DOS MAUS, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.” (eu grifei)

    SRN!

    • author avatar
      The Trooper 4 meses ago Responder

      Quanto a “covarde diretoria do Flamengo” deve às famílias?

      • author avatar
        Aureo Rocha 4 meses ago Responder

        The Trooper,

        dimensione quanto vale a vida de um filho seu (se é que você tem filho) ou de um parente que você ame, que você encontrará o valor que o Flamengo deve a cada família dos garotos mortos no incêndio.

        Esse Wallim Vasconcelos é o mesmo que, se não determinou, ao menos permitiu, na qualidade de diretor de futebol naquela ocasião, que o André Santos jogasse contra o Cruzeiro, mesmo sabendo que o jogador estava suspenso.

        Há pessoas impossíveis de se adjetivarem.

        SRN!

        • author avatar
          Aureo Rocha 4 meses ago Responder

          De tanto asco que eu sinto por esse presidente, que acabei confundindo Landim com Vallim. Mas é tudo a mesma merda.

        • author avatar
          The Trooper 4 meses ago Responder

          Ok. Dimensionei aqui. Vale 1 trilhão de libras esterlinas. É só o pai passar lá na Gávea, cobrar isso, e automaticamente o Flamengo deverá pagar, então?

          Pô, legal.

          Show de bola.

  • author avatar
    The Trooper 4 meses ago Responder

    Opa, essa corneta entra e sai do armário com uma fluidez típica daqueles que não sabem lidar com os resultados apesar da clareza com que os fatos se apresentam

    O time do Flamengo é uma completa zona desde o início do ano, de fazer inveja a times de várzea. Não foi diferente na vitória sobre o cruzeiro, tampouco no título do carioca, nem nas vitórias sofridas da Libertadores.

    O resultado negativo do Flamengo no Sul era tão previsível e justificável quanto a derrota nas urnas dos antigos parlamentares mensaleiros e do candidato que representava os ex-presidentes corruptos e semi-analfabetos que jorravam dinheiro público em suas contas.

    Que as análises estejam acima de resultados e que na próxima lista de treinadores incompetentes e retranqueiros que a diretoria do Flamengo esteja supostamente procurando conste também o nome de Zé Ricardo.

    Apenas para fazer justiça aos fatos.

  • author avatar
    Leonardo Da Vinci Sartori Filho 4 meses ago Responder

    Cara, acho legal a alegoria, o texto muito bem escrito, mas de concreto, nada. Também, sendo justo, nunca foi o seu propósito.
    Eu estou como todo mundo frustrado pelo fato do time não estar bem, mas não acho essa catástrofe toda. A gente, com esse desespero (e , infelizmente, ao que parece, setores dessa diretoria amadora) está tacando fogo nas próprias vestes, enchendo o saco de geral. Tudo bem que jogador tem que aceitar pressão, bla, bla, bla, mas pode ser que esculachar os jogadores, a comissão técnica, e até o Abel, não ajude a motivá-los. Mas como eles “ganham uma fortuna” tem que se motivar assim mesmo.
    Uma pena a torcida destilar todo esse desespero, esse ódio. Tem times que são rebaixados, que passam o maior perrengue, e a torcida pega no colo, passa a motivar. No Flamengo parece ser diferente, a torcida está agindo como garotinhos birrentos, porque o técnico não faz o que eles pedem, porque pagou caro e quer ver resultado. Que porra chata essa cobrança!
    Bom, eu sei que sou minoria nessa discussão. As redes estão infestadas de piadinhas, nego sacaneando a própria instituição.
    Não é meu direito dizer para ninguém como se comportar, é só um desabafo. Fico triste, sempre tive orgulho da nossa torcida, mas esse braço twitter, rede social, tá demais para mim.
    SRN e paz, espero que, contrariamente a lógica a gente ganhe do SPFC no Morumbi e do Peñarol em Montivideo. O resto não interessa.
    Abraços!

    • author avatar
      FRED K. CHAGAS pau na moleira dos comunas 4 meses ago Responder

      derrota contra o SP e empate no uruguai. anotaí

  • author avatar
    Bernard Fernandes 4 meses ago Responder

    Nada de novo, né?!

    Esperar a paralisação da Copa América pra chutar o Abelão, que, segundo seu parça Junior, foi prejudicado porque recebeu Gabriel e Arrascaeta sem ter pedido por nenhum dos dois:

    – Não é a primeira vez (que a pressão sobre o Abel) acontece. No jogo contra o Peñarol aconteceu a mesma coisa, assim como no do Fluminense, na semifinal da Taça Guanabara. Quando estava esse período, não apareceu um dirigente para dar uma palavra de apoio ao treinador […] Arrascaeta e Gabigol não foram pedidos do Abel. Jogaram na mão dele, para ele se virar.

    (https://colunadoflamengo.com/2019/05/maestro-junior-diz-que-abel-nao-pediu-contratacoes-de-arrascaeta-e-de-gabigol-jogaram-na-mao-dele/)

    SRN

    • author avatar
      FRED K. CHAGAS pau na moleira dos comunas 4 meses ago Responder

      maestro junior é um beócio. Não surpreende.

      • author avatar
        Marcos 4 meses ago Responder

        Proferir ofensas ao Júnior deveria ser punido com cem chibatadas. Imperdoável e ridículo

  • author avatar
    João Neto 4 meses ago Responder

    Se eu tivesse o poder de mudança no Departamento de Futebol do Flamengo, com certeza, trocaria o treinador. Escolheria Dorival Júnior. Para meu deleite, de imediato, ele expurgaria os dois Diegos do elenco.

    Mudanças tem de acontecer, doa a quem doer. Dane -se! É necessário uma nova mentalidade. Parte desse elenco já esgotou a paciência. Um time que só se impõe perante a torcida. Em campo adverso é de uma nulidade completa. Nesses últimos anos só me recordo da atuação do empate em Porto Alegre contra o Grêmio. Uma vergonha! E, para piorar, o treinador vem com umas colocações em total falta de sintonia. Está tão perdido, como os seus comandados.

    A Diretoria, com certeza, é culpada dessa péssima escolha. Como também, da manutenção de umas tristes figuras no elenco.

    Mudanças, já!

    Fora, Abel! Aproveita e leva os Diegos, Uribe, Ruindinei e o Pará.

    SRN

    • author avatar
      Felipe Morais 4 meses ago Responder

      Se impõe perante a torcida? Quase sempre que quebramos recorde de público no maracanã ou mané garrincha a torcida fica de cu da mão esperando o pior vexame possível, e olha só, temos! Peñarol que o diga.

Deixe seu comentário