República Paz & Amor

Por favor, aguarde...

República Paz & Amor

Todos os Perebas do Mundo

Por | 14 de setembro de 2020
capa
35 Comments
  • author avatar
    Xisto Beldroegas 2 semanas ago Responder

    Esse Dome parece que não tem cintura, é duro ele mexer no time, no time não, que ele mexe até demais, digo, nas peças que já estejam em campo, por exemplo, tirar o Everton Ribeiro daquele caixote ali que estava lhe causando desconforto bem visível, o Vitinho, ora o Vitinho, ficou naquela posição como um dois de pau até ser substituído, nem precisou ser marcado ele mesmo se encarregou da missão. Porra, técnico tem que se fazer presente, se mexer, até se descabelar um pouco, como uma diva canastrona. O Raul conta uma história que ilustra o que eu quero dizer. Numa dessas bolas em que ele viu que não adiantava a tentativa de defesa e ficou parado, o Zico foi apanhar a bola no fundo da rede e puto dentro da roupa, deu o maio esporro: “porra, Raul, pelo menos vai nela”.

  • author avatar
    Manoel 2 semanas ago Responder

    Porra, Arthurzão. Um paragrafo para defenestrar cada pereba e deixa o bicudinho do Gabigol de fora? O cada fica putinho q tá no banco, qnd sai de campo sai bicudinho….e ae qnd joga perder 2 gols imperdíveis daquele? Porra, toma na rabeta dele. Ganhando $1,2M por mês, devia fazer todos os gols cara-a-cara, e ainda dançar macarena se o tecnico pedisse depois do jogo.

  • author avatar
    chacal 2 semanas ago Responder

    eu falo pros meus filhos que esse michael é horrivel,ele consegue ser pior que vitinho,que ganha algumas jogadas.
    (não estou defendendo esse pereba,pqp !)

    SRN !

  • author avatar
    Vania 2 semanas ago Responder

    Quando ganha quase ninguém escreve aqui . Quando perde a aparece um bando de cornos. Simplesmente Vitinho e Michael não aproveitaram a oportunidade . Pideriam tê-lo feito. Não podem reclamar. E René deixou cruzar tudo por ali. Os melhores foram os que tentaram o tempo todo Arão Thiago Maia, Everton Ribeiro e Diego quando entrou.
    É Messi é poupado no Barcelona sim. E este campeonato é diferente. Não vai ter folga. Quem era contra o Jesus não poupar agora é a favor… Tomar no cu…

    • author avatar
      CARLOS MORAES 2 semanas ago Responder

      Filha, aponte-me quantas vezes o Messi foi poupado, não valendo, é lógico, jogos em que estava contundido.

      Falo de ficar no banco – como, p.ex., o Rodrigo Caio ontem – ou até em casa, tendo condições de jogo, como foi o caso do Arrascaeta e do Filipe Luiz.

      Veja bem, nem de longe quero comparar o maior jogador da atualidade aos três bons jogadores rubro-negros que mencionei.

      Vou dar outros exemplos.
      Van Djik, o grande zagueiro do Liverpool, das 38 partidas do longo e duríssimo Campeonato Inglês, jogou todas elas e, mais ainda, integralmente.
      Na campanha invicta da Champions League, como todos sabemos com número bem menor de jogos (11, este ano, em razão da pandemia), o goleiro Neuer também jogou todas e durante todos os 90 minutos.

      Os treinadores europeus poupam sim seus jogadores em competições menores, como a Taça da Inglaterra (FA Cup).
      Muitos times jogam com todos os reservas, como fez o Klopp, até porque iria decidir o Mundial contra o nosso time.

      Há critérios bem mais inteligentes.
      Além do mais, acho até que já escrevi, uma coisa é substituir o Aguero, centroavante titular da Seleção da Argentina, pelo Gabriel Jesus, centroavante titular da nossa seleção, outra, completamente diferente, é substituir um craque do porte do Arrascaeta pelo esforçado (e olhe lá) Michael.

      SRN
      FLAMENGO SEMPRE

  • author avatar
    Maxwel A.Rodrigues 2 semanas ago Responder

    Ainda bem que vivemos,ainda,numa democracia.Então lá vai minha opinião.Domè cometeu suas gafes neste jogo?Sim.Fiquei puto por perder?Siiimmmmm.Alguns jogadores até agora estão devendo o que nós Rubro-negros sofridamente pagamos tão caro por eles?Nenhuma dúvida.Mas não sou do time daqueles que tem orgasmos em reclamar e nem sou nenhuma hiena Hardy,by Hanna & Barbera,que vive a choramingar,coisa típica de alvinegro e eu prefiro um rubro junto ao negro.Então já coloquei minha insatisfação onde ela deve ficar e já mudei o foco pra Liberta.Agora uma sugestão pro nosso Catalão,cuidado,muito cuidado com seus 11 escolhidos,pois são eles que te garantem ou não sua permanência por aqui.Não que eu queira pautar a escalação deste ou daquele,mas se ele os escolhe tb deve os cobrar.Assim fez nosso ex com o antes odiado Arão que hoje já não o é.Então Sr.Torrent se for pra fazer do seu jeito é melhor vc estar 99,99% certo,pq senão o coro já já vai começar.E aí …SRN

    • author avatar
      arthur maciel 2 semanas ago Responder

      Vivemos numa democracia??? kkkkkkkkkkkkkkk não consigo parar de rir. Sabe nada inocente! Nem no Flamengo que dirá nesse paiseco de mierda.

  • author avatar
    CARLOS MORAES 2 semanas ago Responder

    Só vou deixar uma perguntinha inocente.

    Quantas vezes, em uma porrada de ANOS, vocês viram o MESSI ser poupado no Barcelona (Int.)

    • author avatar
      Marco Becker 2 semanas ago Responder

      Salve, Carlos.

      Em relação ao Messi ter sido poupado, salvo engano isso ocorreu apenas uma vez e quando ele tinha apenas 21 anos. Muito embora ele seja um extraterrestre, nunca o vi jogar um jogo de libertadores na altitude – nosso treinador catalão também não o fez.

      O jogo de ontem nos assusta pela escalação e pela decisão de sequer relacionar Arrascaeta e Filipe Luis, um time todo desfigurado. Acredito que a maioria teria ficado mais satisfeita com ambos atuando de titular e, sendo necessário e possível, que fossem substituídos no segundo tempo, mas essa é apenas a minha opinião.

      Convenhamos! Que desgostoso é ver Vitinho e sua falta de brio atuando de titular. Que tristeza ver o Gabigol desperdiçar aquele cruzamento preciso ainda no primeiro tempo. A bola pune esses desaforos.

      Essa derrota fica na conta o treinador e isso não a torna menos indigesta.
      Quinta feira temos Libertadores, dessa vez sem essa de poupar ninguém.

      Fique bem, Carlos! Que quinta seja um dia de alegrias para a nação.
      SRN

    • author avatar
      Henrique 2 semanas ago Responder

      A resposta, incocente tb, é – nunca. Até qd estavam ganhando de 5×0 (coisa do passado) ele nao saia do campo.
      O problema nisso tudo esta naquilo que vc citou na outra escrita, mais em cima: Trocar 6 por meia duzia, tudo bem. Ja tirar um e jogar com um a menos … ai é outra conversa.

      Para mim serviu para ver que nao temos elenco tao bom como achavamos. Faltam em tudo que é posiçao (a nao ser no meio) jogadores, começando por goleiros (!!!) seguindo por zagueiros centrais e acabando com atacantes melhoes.

      SRN

  • author avatar
    Ernandes 2 semanas ago Responder

    Boa Arthur! Falaste tudo, é uma pura verdade um cabeca-de-bagre no meio de craques vira estrela, mas o craque no meio dos cabeça-de-bagre vira o que vimos uma mer…..

  • author avatar
    Xisto Beldroegas 2 semanas ago Responder

    Olha aí, não precisa ser Administrador de Empresa para se concluir o óbvio: um auxiliar que passa dez anos no mesmo posto é incompetente para galgar o “patamar”superior, no máximo será sempre um excelente auxiliar. Do Guardiola ou de lá quem quer que seja.

  • author avatar
    Henrique 2 semanas ago Responder

    O resumo do Arthur foi perfeito. Dificil de encontrar uma brecha a mais.
    Mas encontrei, como bom reclamador: O Thiago Maia. Era um zero no meio, perante os 2 zeros zagueiros. Como o Vitinho, chamava, clamava para ser substituido, nao acertava uma.
    Nao tem razao de nao colocar o Diego la.

    A culpa ontem foi do Dome que nao esta sabendo colocar outras peças quando a coisa vai mal. Escalou pessimamente? Sim, agora, ou foi um belo aprendizado para nunca mais, ou, se repetir, é um burro.
    Escalou “os melhores” como disse? Meu amigo, se ISSO for verdade …

    Efetivamente, ontem pela primeira vez pensei – ué, falta qualidade ao elenco. Isso depois de UM ANO inteiro sem a minima ideia sobre isso.
    Nao mudou NADA e parace que mudou TUDO.

    Ja tinha escrito que Michael, Pedro e Vitinho nao dao. Os 2 zagueiros centrais tb nao. Goleiro, nao.

    A realidade é que temos aquele time, OS NOMES, que faz a diferença. Se tivermos que por outros a jogar, ai vai depender de quantos e da posiçao.
    Escolher de livre espontanea vontade colocar isso dai de ontem – é suicidio.

    Talvez esse senhor novato pensou mais na libertadores.
    Espero.
    Espero por nos, porque do jeito que estamos, a qualquer momento vamos levar um chocolate.

    O time parece completamente sem brio. Sem sangue. Tonto, sem coragem. Sem saber quem marcar, para onde correr, quem ajudar.

    Qual a razao de nao fazer o pressing? Qual de estarmos com maximalmente 5 jogadores na area? Medo? Medo? Medo de ganhar?

    “Jogamos bem o primeiro tempo.” Ta doido? Teria que enfiar goela abaixo ao novato uns video-tapes de 2019 para ele saber que NOS sabemos o que é jogar bem. Se ele nao, que aprenda.

    Talvez seja normal esses altos e baixos quando tem troca de tecnico. Talvez.

    Mas assim nao. Nao estou vendo avanço substancial.

    Ta uma bosta, ca entre nos.

    SRN

  • author avatar
    Leonardo 2 semanas ago Responder

    Jogo deprimente, de fato. Me surpreende, no texto, de título “Todos os Perebas do Mundo”, citar vários jogadores, em especial, Everton Ribeiro, e não separar uma linha para o Diego Ribas. Na verdade o absurdo é ter o ER citado em um texto de perebas. Mas já que cometeu tal heresia, deixar o Diego de fora só comprova o que muitos percebem em relação à crítica “especializada”Flamenga: o Diego é intocável. Não sei se faz parte do trabalho de mídia muito melhor do que o de campo que ele tem feito nos últimos 2 anos ou se é só idolatria cega mesmo. Para se ter ideia, o Vitinho, escrachado por tantos, o tempo todo, entrega mais do que o Diego a 2 anos já. Só analisar os números. Não estou dizendo que um merda justifica outro merda. Meu raciocínio é: se escracham Vitinho e pedem sua saída, que se faça o mesmo com o Diego que há dois anos é inferior a ele. Grande falha no sei texto, não citar Diego entre os perebas e citar Everton Ribeiro.

  • author avatar
    Ogrão 2 semanas ago Responder

    Michael a cada jogo vai ficando mais parecido com Chucky, o brinquedo assassino… na aparência, não na efetividade, que fique claro.
    Gustavo Henrique e Léo Pereira me fazem ter saudades do Pablo Mari a cada vez que chegam perto da bola.
    A César o que é de César: banco. E olhe lá. Fico com uma vontade danada de saber por que parece que a base parou de formar goleiros bons.
    O Lincoln, que, pasmem, chegou a ser decisivo no ano passado, talvez devesse voltar pro sub-20, pra ver se aprende mais um pouco. Está evidentemente evoluindo menos do que se esperava, a não ser que a evolução seja pra um jogador mediano, mas há controvérsias se isso seria mesmo evoluir. Que não siga os passos do Lincoln original, que que era sempre avisado que queriam a cabeça dele, mas não dava importância e acabou pagando com a vida. Lincoln-cópia que fique esperto…
    Ia até falar do outro cara, aquele camarada que teima em manter o número 11 irrelevante. Mas acho que nem num post ele merece estar no mesmo campo que os outros. Pode até ser que desencante, não seria sem tempo, mas alguém acredita nisso de verdade? Porque, se acredita, eu tenho um terreninho na lua que estou vendendo. Preço de ocasião, a combinar.

    SRN ogras e focadas na Liberta agora, que é o que interessa.

  • author avatar
    arthur maciel 2 semanas ago Responder

    Falou tudo xará. Mil vezes o Rodolfo Franquistein que essa dupla furada de zagueiros que o Marcos Braz inventou. Quase sempre ele acerta, mas quando erra é em drobo. E esse vitinho ein? Só com letra minúscula mesmo. O cara tem tudo pra fazer bonito, ser ídolo e o escambau, mas é muito bonzinho (Maquiavel avisou, se for bonzinho vai tomar no seu cuzinho), doou muito sangue e não repos. Sugiro dar 10 tapas na cara dele pra já chegar bufando de raiva antes de entrar em campo. Quando nem éverton ribeiro sabe o que fazer com a bola, o diego continua sassaricando a moda antiga e o tiago maia cansou de ser o melhor do time é porque 2 a 0 ficou barato. Do lincoln me recusi a falar, ô bicho ruim!

  • author avatar
    CARLOS MORAES 2 semanas ago Responder

    Um SENHOR ARTIGO !
    Disse tudo.
    Não deixou porra alguma para que tocássemos as nossas cornetas !

    Também, já basta o que toquei ontem, Antes, durante e depois do jogo mequetrefe.
    Antes, quando tomei ciência da escalação alucinada do Professor Pardal.
    Durante, enquanto via o Ceará tomar conta de tudo que acontecia, mesmo sem utilizar um jogador, que até já teve a sua fama, o Fernando Prass.
    Depois, por óbvio, cabendo confessar que, como todo bom e velho torcedor rubro-negro, já estava com saudades de fazer soar a minha corneta.

    Não é cópia, juro.
    No grupo a que pertencemos escrevi o mesmo, com os mesmos jogadores, só acrescentando o Renê, embora concorde que ontem foi o nosso melhor em campo.
    NÃO HÀ TIME que escape a uma escalação que conte com César, Gustavo Henrique, Léo Pereira, Renê, Michael e Vitinho.
    IMPOSSÍVEL, ilustre Catalão.
    Positivamente, Vossa Excelência não entende picas a respeito dos jogadores rubro-negros.
    Juntar este sexteto é loucura desenfreada !!!

    Só gostei de uma coisa, cabendo cornetar agora muito dos nossos torcedores.
    Cansei de ler, ouvir, discutir a respeito.
    ^Nossos reservas seriam titulares em qualquer outro dos dezenoves times do Brasileirão !^.
    Aprenderam a verdade, da qual não sou dono !
    Cansei de argumentar – MENOS, BEM MENOS, por favor !
    Somos o atual Paulo Gracindo, o inesquecível Primo Rico do Balança, mas não somos absolutos a tal ponto.
    Contratamos, a cada ano, mais que muito time de ponta europeu, o Liverpool um bom exemplo.
    Na realidade, no entanto, contratamos, a peso de ouro, muita coisa prá de lá de ruim.
    A comprovação tivemos ontem no timeco sem vergonha que entrou em campo.

    Tal como o Arthur, quase perfeito em todas as linhas, acredito com convicção que, com os TITULARES, sem frescura de revesamento, seremos campeões, eis que até os deuses nos protegem, permitindo rotundos fracassos de nossos pares, Inter, Palmeiras e outros mais.
    Fica o meu recado – Dome, pare com as frescuras.

    Emputecidas SRN
    FLAMENGO SEMPRE

    PS – Arthur, só não foi perfeito por um pequeno detalhe. Vão te acusar de ter aderido ao Gauidó, pretendendo a invasão da Venezuela com o nosso Exército de Brancaleone vestido de vermelho e preto.
    Corrige aí. O Barcelona falso é de Guayaquil que, pelo menos até ontem, ainda ficava também no Equador.

    • author avatar
      Muhlenberg 2 semanas ago Responder

      Obrigado pela correção. Já eliminei a batatada geográfica. SRN

  • author avatar
    The Trooper 2 semanas ago Responder

    Nada contra o rodízio, até porque às vezes, como ontem, é necessário.

    Mas por que mexer na estrutura toda do time?

    Por que tirar o ER7 da posição onde até os recém-nascidos sabem que ele desempenha melhor, para colocar o Michael – clássico jogador de segundo tempo – ali?

    Não tinha o Diego, que acabara de jogar bem contra o fluminense, pra colocar como meia centralizado e deixar o ER na sua posição?

    Podia também jogar com Gabigol mais aberto, como ele prefere, e com Pedro centralizado. Gabigol e ER ficariam livres para trocar de lado.

    Pra que mudar tudo todo jogo, e pra que insistir com Vitinho?

    Na zaga, bem ou mal, é o que temos. Também acho o Thuler melhor, mas pouca coisa. É torcer pra esses caras melhorarem. Léo Pereira até agora tem sido um dos piores zagueiros a jogar no Fla nos últimos anos. Vem falhando desde a estreia, errando passe em saída de bola o tempo todo e se comportando como jogador de time pequeno, dando bica pra arquibancada com bola dominada. Muito fraco. Deve estar sentindo o peso da camisa.

    Mas o Professor Dome Pardal não tá ajudando nada. Se salvou em várias partidas graças ao VAR (Santos, Botafogo e Grêmio), mas a sorte não é eterna. O time não transmite a menor confiança mesmo quando joga bem, como aconteceu na quarta contra o fluminense, em que quase levamos o empate no fim.

    Tá mal Dome. Tá mal.

    • author avatar
      Márcio Costa 2 semanas ago Responder

      Concordo com a análise! Seria uma forma de poupar, sem alterar tanto. Porém,…
      Acho que, mesmo assim, perderíamos, porque o Fla sem os dois meias (ER e Arrascaeta) não joga bem. Ainda que o ER jogou, ele não fez um bom jogo (e isso é normal, não há jogador que arrebente sempre).
      Aliviando a barra do Dome, penso que o Fla precisou poupar pra Libertadores. É o campeonato que mais importa (as festas dos títulos do ano passado provam o que a torcida mais espera). Apesar do elenco, e saturando as comparações com JJ, o que o Mister fez nunca mais irá se repetir. O português foi insano de escalar sempre força máxima. A aposta dele deu certo, mas foi tudo ou nada. O departamento médico brilhou, ficou surpreso consigo mesmo. E a final da Libertadores mostrou que jogamos no limite e na conta do chá. A jogada de empate do BH mostrou que nenhum dos 11 do ano passado não poderia deixar de jogar a final, sob pena de perdermos.
      O Brasileiro desse ano vai ser competitivo, ninguém vai desgarrar. A nossa chance será na velha arrancada no 2º turno, penso eu.
      Enfim, não há milagre em 2020 (ano passado tudo deu certo no BR como os jogos contra: Botafogo, Fortaleza, Grêmio). Ainda que os jogos contra Goiás e Liverpool, o Mister deixou de tirar nota 10, ao errar em substituir ER e Arrascaeta (jogos que fizeram o Goiás empatar e os ingleses se imporem).
      De qq forma, sigamos de olho no catalão.
      SRN

  • author avatar
    Xisto Beldroegas 2 semanas ago Responder

    A conclusão curta e grossa: esse técnico não entende porra nenhuma de futebol, senão ele não ficaria a vida inteira como auxiliar do Guardiola e não viria pra cá com essa única credencial “auxiliar do Guardiola” por milênios. Mais um conto do vigário ( epa, ainda existe isso?) que os europeus nos pregaram. Agora outra verdade: o Flamengo sempre tem que ter alguns perebas perebíssimos no time para honrar o antigamente de Márcio Araújo et caterva. Vitinho, Michael, Cesar, Leo Pereira, etc. são apenas mais uma audição desse bolero de Ravel que entra ano sai ano nunca se acaba. Parece maldição de filme de terror.

  • author avatar
    Ricardo Sthuart 2 semanas ago Responder

    Fechado

  • author avatar
    Jean 2 semanas ago Responder

    Fico pensando até que ponto deve ser a independência do técnico. Até que ponto a diretoria pode interferir e mandar a real para um treinador, principalmente em início de trabalho. Isso deve ser pensado e discutido… alguém deve chegar pra ele e mandar a real sobre como é futebol no Brasil e principalmente no flamengo. A escalaçao de ontem foi um absurdo…. parecia até sacanagem. Era so fazer o básico que tava tudo certo . Acho que alguém deve falar alguma coisa com esse cara. Esses 3 pontos perdidos ontem vão fazer muita falta. SRN

  • author avatar
    Marcelo Goldenstei 2 semanas ago Responder

    Nada como uma derrota ridícula como essa pra podermos receber uma crônica endiabrada do Arturzão. Dome mexeu com os brios de nosso cronista mor! Conseguiu meter no texto “mister” e “torrente”, na acepção literal das palavras. Esse texto, certamente, foi bem melhor que a pelada. Quanto ao jogo, os caras descobriram a melhor estratégia pra derrubar esse time que parecia invencível: deixar o Vitinho livre!

  • author avatar
    Guilherme Silva 2 semanas ago Responder

    Que texto fantástico, me fez esquecer um pouco essa atuação horrorosa (uma das piores, se não A pior nos últimos 5 anos).

  • author avatar

    Danilo saiu do Goiás para conquistar o mundo DUAS vezes. Um injustiçado – por encerrar sua carreira sem nunca integrar nossa seleção, o Flamengo. Merecia.

    ZÉ ALDO saiu de Goiás para o Flamengo rsrsrs

    César é bom reserva. O problema é “normalmente” andar entre más companhias… Se está no Flamengo hoje, deve-se ao seu retorno convocado às pressas para nos defender em uma reta final de Sul Americana. Tem seu valor, prestou bons-serviços sem jamais manifestar insubordinação alguma por sua condição de ser sempre “aquele da mansarda”. Assim conforme Thuler…

    Gustavo Henrique e Léo Pereira MEUSOVOS; e tenho dito!

Deixe seu comentário