República Paz & Amor

Por favor, aguarde...

República Paz & Amor

Mamãezada no Dia dos Pais

Por | 10 de agosto de 2020
capadiados pai
34 Comments
  • author avatar
    Henrique 2 meses ago Responder

    Mais um tecnico portugues – Luis Castro – que deixa a equipe jogar um belo, moderno e vitorioso futebol.
    Shakhtar Donesk.

    Os portugas estão incrivelmente bem servidos de técnicos bons e de ponta.

  • author avatar
    Henrique 2 meses ago Responder

    Nao concordo com varios que viram somente futebolzinho e pancadaria do galo.

    Depois de um começo pessimo, no qual poderiam ter levado uns 2 ou 3 gols, se encontraram.
    Estavam muito mais bem postos em campo, muito mais em cima marcando, fechando espaços e fazendo contra-ataques, tanto que no segundo tempo não existimos mais.

    Tao nao existimos que a partir das mudanças nossas do meio começamos a jogar aquele futebol que eu pensava terem deixado pra trás: no ataque somente 3 ou 4 jogadores, no meio um buraco, atras devagar e sem precisao, nada de Pressung, parecendo ter-mos em campo uns 2 ou 3 jogadores a menos.

    O Sampaoli deu uma lição sim.

    E nao acho que foi “soberba” e sim animosidades ou sentimento de ser fodao a detrimento da equipe que levou os atacantes a fazerem esse joguinho inaceitável que fizeram.

    Repito (até acontecer) – precisamos de laterais e de outros jogadores. O ritmo de jogo vai ser mais intenso que ano passado, so com esses nao vai dar.

    Mais um problema, um grande, vejo no tempo que o técnico tem para trabalhar seu sistema. No fundo quase nenhum.
    Tudo esta nos pés dos jogadores. Se jogarem o que sabem e ganharem, vai dar tempo a todos. Se, de novo, perderem – va sacudir o barracão e vamos entrar em tempos que nao queríamos vivenciar mais.

    • author avatar
      Henrique 2 meses ago Responder

      Nada de “Pressung” e sim “pressing” – marcação em cima.

    • author avatar
      Aureo Rocha 2 meses ago Responder

      Henrique, eu creio que você possa estar sendo levado pela narração do cara da Globo, como muito torcedor foi.

      Na realidade, durante toda a partida, o Galo somente teve uma oportunidade real de gol, que aconteceu aos 37 minutos do 1º tempo. O gol deles foi obra do acaso. Um erro grosseiro do David Luiz. O resto foi só correria e marcação pesada sobre o nosso meio de campo e nada mais. Criaram quase nada ou muito pouco.

      Bastava o Flamengo ter feito aquele gol aos 7 minutos de jogo, que a história dessa partida seria outra.

      Reveja os melhores momentos.

      https://www.youtube.com/watch?v=KKSYAtIkKNA

      SRN!

      • author avatar
        Aureo Rocha 2 meses ago Responder

        Corrigindo – Filipe Luis

      • author avatar
        Henrique 2 meses ago Responder

        Bem, Aureo, eu ouço o que alguns dizem mas nem por isso concordo. E menos ainda com comentaristas que so querem ver a caveira do Mengao.
        Assim mesmo, totalmente errado nao estavam.
        Foi um pessimo jogo da nossa parte.

        Seja como for – nao vi uma chance nossa no segundo tempo. Estavamos completamente bem marcados, do jeito que normalmente a gente fazia.
        Isso foi devido a Sampaoli. Nao?

        E vi voltar aqule jeito de jogar bola que, francamente, é um saco. Foi como jogavamos em 2018, inicio 19. Aquele time espalhado pelo campo, sem estrutura e sem tatica que preste. Todo mundo perdido e sem chefe no campo.
        Nao gostei nao.
        E se teriamos ganho, se o BH tivesse jogado pro time e nao para si, o Gabriel mais tarde idem, nao sei. Acho provavel, mas certeza nem eu nem voce podem ter.

        Temos sim é que jogar de novo nossa bola.
        O que essa partida mostrou é que jogar bem e voltar a jogar mal nao precisa de abismos de tempo. Num piscar de olho, numa mudança aqui ou ali, tudo pode voltar. Para o bem e para o mal.
        Faço fé nesse tecnico. Nao é possivel que nao aprendeu nada durante tantos anos ao lado do montro-tecnico.
        Espero que brevemente possamos ver o que sabe e o que quer.

        SRN

  • author avatar
    Sergio Bianchi 2 meses ago Responder

    Mesmo sem ritmo, o Flamengo poderia ter feito 3 ou 4 no primeiro tempo, mas foi displicente e soberbo, enquanto o galo foi só correria e terminou o jogo com mais que o dobro do número de faltas nossas. Paravam o jogo no Gerson e nas retomadas de bola do Fla fazendo rodízio de faltas nas barbas do juiz. É hora de acordar e jogar com humildade e fome.

    • author avatar
      Sergio Bianchi 2 meses ago Responder

      E mais: quanta ensebação para finalizar a gol!! Sempre um toque e um drible a mais até perder a oportunidade.

  • author avatar
    Passos 2 meses ago Responder

    Arthur, muito obrigado pelo “horroroso gramado do Maracanã”, já achava que só eu havia posto reparo nisso. Como estamos à frente da administração do estádio há mais de ano e, por conseguinte, não dá mais para culpar a folclórica Suderj (por onde anda?) pelo estado deplorável do relvado, não sei mais a quem apelar. O Marcos Braz vai ter de resolver isso também? Não dá para ter um time fuderoso desses e ter de jogar naquela braquiária brava. Vou começar uma novena para o Maurice Druon hoje. Oremos e SRN!

    • author avatar
      Marcelo Dunlop 2 meses ago Responder

      Braquiária é bom demais! SRN

  • author avatar
    Aureo Rocha 2 meses ago Responder

    O meu caro Carlos Moraes, no seu peculiar ar de lorde, afirmou que o time jogou com soberba. Porém, eu, no meu jeito de moleque de futebol de várzea, quando joguei de lateral direito, no Estrela Vermelha, time de um bairro aqui de São Gonçalo conhecido como “Moscouzinho”, nas décadas de 50/60, vou dizer que o time do Flamengo está cheio de mascarados.

    Por isso, não enfiamos uma goleada em cima deles. Esse galo poderia ter saído depenado do Maracanã, não fosse a máscara de alguns dos nossos jogadores.

    E, com toda a certeza, a crônica esportiva estaria hoje enaltecendo a estreia do Dome.

    O Atlético MG praticou um futebol, que lá no meu passado de peladeiro, chamávamos de futebol de correria. Apenas isso.

    SRN!

    • author avatar
      Aureo Rocha 2 meses ago Responder

      Mascarado: Jogador vaidoso, convencido de suas qualidades e que joga com pouco interesse na partida.

  • author avatar
    Bruno Maciel 2 meses ago Responder

    Só em um país com origem escravocrata é que se acredita que a pessoas podem ser mais eficientes na base do esporro. Os nossos jogadores estão no melhor time da América doSul, uma estrutura do caralho, salários em dia. Estão todos saudáveis, em meio a uma pandemia mundial precisam de que alguém fique descabelado a beira do campo para que joguem feito homens? Jesus é passado. Ainda é muito cedo para queimar o treinador. Os flamenguistas devem sair da síndrome do homem abandonado. Jesus nos deixou. Levantar a cabeça comportar-se com dignidade e jogar com testículos é a melhor saída.Se acham que é necessário contratem alguém do BOPE para ficar gritando na beira do gramado, só não pode é jogar feitos uns fanfarrões…

  • author avatar
    chacal 2 meses ago Responder

    não gostei de nada do que vi ontem no maracanã.

    SRN !

  • author avatar
    The Trooper 2 meses ago Responder

    O Flamengo ontem fez uma péssima partida – para os seus padrões – e mesmo assim só não goleou aquele que provavelmente será nosso maior concorrente ao título porque perdeu um caminhão de gols feitos.

    2-3-5 é uma formação que quem já assistiu meia dúzia de jogos dos times do Guardiola sabe que é . Nessa situação os laterais jogam como meias e os alas fazem o corredor. Normalíssimo. Não fica sem “meia pra levar a bola para os atacantes”. Aliás, Filipe Luís normalmente já faz esse papel há muito tempo no Flamengo, como o fazia no Atlético de Madrid.

    Quem tem medo de ser ofensivo é treinador brasileiro, comentarista brasileiro e – como somos produto do meio em que vivemos – do torcedor brasileiro, acostumado a retrancas safadas, comentaristas padrão Juninho Pernambucano e Casagrande e a querer insistentemente desvalorizar o que vem de fora quando o assunto é futebol.

    Foi assim no início do Jorge Jesus e será assim agora.

    A história se repetirá. Com riqueza de detalhes.

    • author avatar
      Guilherme Silva 2 meses ago Responder

      Tb vi a mesma coisa, se faz 1-0 com 7 minutos de jogo, mesmo jogando mal, o Galo nunca empataria com aquele futebolzinho esforçado e de pancadaria. Tb nao vi esse problema todo nas substituições, nao fosse um péssimo dia (e uma certa falta de ritmo) de todos, os reservas tb poderiam ter empatado ou até virado.

  • author avatar
    Xisto Beldroegas 2 meses ago Responder

    Fiquei preocupado com esse cara, o nosso técnico, quer dizer, com a postura dele, nada vibrátil, fio, pura burocracia ali na sua área, o JJ naquelas alturas estaria pulando nas tamancas. Literalmente. Assim, rígido como dois de pau, ele não vai se criar não. A torcida, mesmo de longe e quando voltar então, e o time, não suportam essa pose blasé. Técnico do Flamengo tem que rasgar as vestes e para se garantir embebê-la em gasolina e tocar fogo e se jogar pela ribanceira como a suicida do samba antigo. Ficar com aquela cara de cheira peido e anotando coisinhas em caderninho de armarinho não comove os jogadores, e eles ficam iguaizinho, ou seja, pose de estátua, correndo como um mamute congelado no seu bloco de gelo. Assim esse cara não vai lá das pernas, ainda mais tirando todo mundo pra botar cinco atacantes com a única lógica de que “eles estavam se defendendo com cinco”. Primário demais para tanta fama. Enquanto isso, Jorge, o outro, incendiava o jogo brigando com o juiz de mentirinha só para a tal motivação do time, e motivo mesmo, pois os caras desandaram a correr. Mais um embusteiro nesse país governado por embusteiros?

    • author avatar
      The Trooper 2 meses ago Responder

      Bela análise.

      Tirando o fato de que quase todos os treinadores mais vitoriosos da história do Flamengo eram tranquilíssimos à beira do campo, notadamente nosso inesquecível Carlinhos violino, vc está sertinho.

      Eu continuo preferindo que o nosso treinador mantenha suas vestes à beira do campo. Entendo que vc tenha outros gostos.

      Quanto a “botar 5 atacantes porque os caras estavam se defendendo com 5″, parece-me óbvio que vc nunca viu um time do Guardiola jogar.

      • author avatar
        chacal 2 meses ago Responder

        seu corretor errou feio no ‘sertinho’

        • author avatar
          The Trooper 2 meses ago Responder

          E seu detector de ironia tá quebrado, se é que vc possui um.

          • author avatar
            CARLOS MORAES 2 meses ago

            De fato, o Guadiola já assim procedeu por inúmeras vezes.

            Com um probleminha. Não fazia entrar Pedro, Michael e, ainda por cima, Vitinho.

            SRN
            FLAMENGO SEMPRE

  • author avatar
    Rafael 2 meses ago Responder

    Bruno Soneca Henrique e Gabigordo são os culpados pela derrota. Perderam boa parte dos créditos acumulados em 2019. Flamengo é coisa séria, tem que matar um leão por dia. Para isso ganham milhões. Hora de acordar!

  • author avatar

    Que análise tática resiste à síntese “Com Gerson marcadão, Arrascaeta de chico e Everton Ribeiro na muda, não rolou muita inteligência no meio de campo do Flamengo”…

    O ajuntamento das redes sociais possibilitou que a síndrome da “a idade mental coletiva se equipara ali pelos 5, 6 anos de idade” fosse perfeitamente observada…

    SRN

  • author avatar
    Claudio Chinelli 2 meses ago Responder

    Grande Rei Arthur! A torcida é a alma do Mengão! Sem a magnética e sem o “maçarico motivacional do Míster” na beira do campo…precisamos nos reinventar! O que me anima é ver a falta de futebol dos outros times! O nível,na minha opinião,é o mais fraco dos últimos anos! O rico e “pulsante” Palmeiras no “Paulistinha” contra o Corinthians foi de dar dó! O Grêmio sofreu pra ganhar dos Tricoletes Cariocas e o Inter contra o Coxa….jogou como Inter,ou seja,o tradicional arroz com feijão! O próprio Galo,nosso freguês histórico,jogou um futebolzinho que não condiz com os elogios que recebeu pós jogo! Parou o jogo com faltas o tempo inteiro e explorou os contra ataques! Sampaoli saiu como um Deus! Acho que não enxergo mais futebol ou a imprensa “especializada” não é tão “especializada” assim! Pra cima deles! SRN

  • author avatar
    Henrique 2 meses ago Responder

    Sabemos que teremos que dar tempo ao Dome.
    Tempo vamos dar, mas saco de aguentar?
    Foram os primeiros minutos dele e diga-se de passagem, nao foram os melhores.
    Massss, vamos lembrar que o 0x3 contra o Bahia tb nao foi muito legalzinho.
    E ai vai a esperança que um inicio ruim vira (pode virar, mais correto) em algo muito bom depois.

    Mas, sejamos lucidos, é mais facil ganhar pela primeira vez do que continuar ganhando.
    Sabemos disso tb, massss, cade o saco de aguentar derrotas, desacostumados como estamos?

    O que nao curti nem um pouco, e isso nada tem a ver com o tecnico novo, é a sacanagem dos atacantes de nao jogarem em time e sim soh para si, boa parte do tempo. Assim nao! Assim de jeito nenhum! Tem que dar um esporro imediatamente nesses 2 senhores.

    E repito a ladainha sobre os laterais: Nao vai dar com esses 2 velhinhos. Temos urgentemente que ter peças de reposiçao para a posiçao.
    Repito tb o que jah tinha escrito ano passado: Pedro e Michael nao estao a altura e, provavelmente, ja que nao sou vidente, nunca estarao. Pedro é um jogador para um time que joga completamente diferente, nao tem a caracteristica do nosso jogo. Fora de que tecnicamente é muito limitado, perde bolas importantes por nao saber domina-las. O Michael corre com cabeça baixa e nada mais. Nao gosto dos dois.

    Ou seja, temos que ter reforços, para que saiam do banco gente tarimbada que adicione e nao meias-bocas que em dia de sorte dao certo e dias menos sortudos soh entram pra tumultuar e nao ajudar.

    De olho no proseguimento. Nao vou negar que essa derrota, que nao teria sido derrota se os atacantes tivessem acertados o que era para acertar sem problema, me deixou um pouco antenado.

    Eh injusto para com o Dome – é sim. Mas a antena sobe sem minha ajuda e é dificil de baixa-la.
    So desce com exibiçoes phodas e vitorias.

    SRN

    • author avatar
      The Trooper 2 meses ago Responder

      Temos os 2 melhores laterais do Brasil, com larguíssima vantagem para os perseguidores.

      • author avatar
        Henrique 2 meses ago Responder

        Nao acho.

        • author avatar
          The Trooper 2 meses ago Responder

          Prefere Fagner e Arana?

          Pergunto porque são esses os laterais “selecionáveis” que atuam no Brasil, fora do Flamengo.

          • author avatar
            Henrique 2 meses ago

            Confesso que nao sei quem. Nao fico observando jogadores de outros times, a nao ser aqueles que jogam contra nos.
            O CAM nao tinha alguem que preste, acho eu.
            Mas nao vejo razao de se restringuir em Brasil nesse quesito.
            Hoje em dia existem dados de banco de jogadores, do mundo inteiro.

            Eh o seguinte: os dois ja passaram, e muito, pelo apice. Cometem, na defensiva, erros grotescos (nao falo do gol contra). Nao conseguem atuar, fim do campeonato mostrou, 90 minutos no alto do desempenho. A partir de 60 minutos se arrastam. Os tecnicos adversarios jah sabem disso.
            Em um campeonato corona, que vai se jogar cada 3 dias, vai ser claramente necessario que haja substituiçoes, e essas a altura. Nao temos. E nao temos desde o ano passado.

        • author avatar
          The Trooper 2 meses ago Responder

          Acho que o Renê é um lateral honesto, cumpre perfeitamente bem a dura missão de substituir o melhor lateral-esquerdo de nacionalidade brasileira (sim, acho o FL melhor que o Marcelo).

          Na direita, o Rafinha voou em campo e deu aula na temporada passada. Nesse ano tem demonstrado falta de ritmo, mas sempre compensa com sua tradicional raça. Temos de fato problemas na reserva, embora falem muito bem do menino Matheuzinho.

          Enfim, sou suspeito pra falar porque sou muito fã dos nossos laterais. Pra mim, estamos bem servidos até pra padrões de grandes europeus nesse quesito.

          Pra mim nossa maior deficiência no elenco é de meia ofensivo reserva. Embora tenhamos os 3 melhores meias em atividade no país (Arrasca, ER7 e Gerson).

          Nosso elenco é muito forte e melhorou do ano passado para cá. Não vejo deficiências capazes de justificar uma eventual campanha decepcionante.

          • author avatar
            Henrique 2 meses ago

            Sim, Rene é um lateral “honesto”. Boa palavra.
            A “raça” do Rafinha para mim nao é bem raça e sim nervosismo, bate boca, exaltaçao. Pode, como ja fez, prejudicar o time com isso.
            Ademas marca pessimamente.

            Marcaçao pior somente a do Felipe Luis. E como esta ficando lento, vamos ver ele cometendo erros e mais erros.
            Voce pode gostar deles – eu nao.

            Dizer que “pra padroes europeus” …. ai, amigo, é exagero bravo. Mas vc sabe disso. Estao aqui, no Flamengo, pq ninguem queria-los mais na Europa.
            A vantagem que trazem é a experiencia. DISSO os dois tem muita. E podem passar para outros, pelo menos o FL pode.

            Temos que ter – ai concordo contigo – pelo menos UM lateral direito.

            No meio, claro, seria bom termos mais um ou 2 que soubessem criar. Mas ISSO é muito dificil, falta até no Barça.

            Sim, nosso elenco é fortissimo. Mas, como ja vimos, basta um ou outro do meio se contundir, que jah nao funciona tao bem o time. E é de se esperar desse campeonato que, ou tem troca constante de jogadores, ou vao ficar lentos de cansaço.

            Pedro, Michael e Vitinho sao ok, nada mais. Acho compras equivocadas. Nao estao no patamar dos outros, seja dos do meio ou da frente. E duvido muito que melhorem.

            Mas como essa parte do ritmo alucinante de jogos vai valer pra todo mundo – acho que temos sim um elenco capaz de trazer mais um brasileiro.

          • author avatar
            Henrique 2 meses ago

            Pelo jeito a discussao sobre a lateral direita vai começar de verdade. Sera que Rafinha vai pra Grécia?
            Agora precisamos de 2 laterais direitos.

  • author avatar
    CARLOS MORAES 2 meses ago Responder

    Posso discordar aqui ou ali de alguma coisa, mas prevalece o acerto das observações, em especial quando afirma que faltou o ^maçarico motivacional do Mister^.

    Pelo menos da minha parte, vi um time preguiçoso, chegado ao soberbo.

    Quanto ao novo técnico, não cabe qualquer comentário. Menos de uma semana à frente do time,
    Substituiu mal, indagam todos, em especial pela troca de lúcidos jogadores de meio-campo por três jogadores de ataque que não primam pelos conhecimentos táticos.
    Sem dúvida, respondo eu mesmo.
    Será, no entanto, que o Torrent sabia quem eram Pedro, Michael e Vitinho, também conhecido como Martinália.
    Mais do que provavelmente, NÃO.
    Em assim sendo, deixa pra lá.

    Aguardemos o póssimo carpítulu.

    SRN
    FLAMENGO SEMPRE

  • author avatar

    Como sempre sábio com as palavras, nos deu uma análise sucinta e coerente no que aconteceu nesse fatídico domingo. Parabéns Grão Mestre pela imensa capacidade de dominar as palavras. SRN!!

Deixe seu comentário