República Paz & Amor

Por favor, aguarde...

República Paz & Amor

4 Comments
  • author avatar
    chacal 3 meses ago Responder

    se abelão ainda estivesse no flamengo o jogo seria outro…
    primeiro pq ele iria colocar só reservas(mesmo tendo o time descansado a semana inteira)segundo pq ele é um ultrapassado.
    gostei da maneira como o time se comportou,mesmo sabendo que do outro lado só tinha três titulares.
    mas o mais importante foi ver que a torcida estava certa em querer abel fora do mais querido.

    podemos chegar na parada pra copa américa até na liderança,quem sabe?
    tenho ouvido muita coisa boa do português…eu já falei que fui contra.
    mas como tenho errado muito nas minhas opiniões,fico bastante otimista com minha margem de erros.

    SRN !

  • author avatar
    Carlos Moraes 3 meses ago Responder

    Correto, corretíssimo.

    Aplausos merecidos, não só ao time como também para a Nivinha, a fujona !

    Saudosas SRN
    FLAMENGO SEMPRE

  • author avatar
    Xisto Beldroegas 3 meses ago Responder

    A impressão que eu tive é que o time estava mais leve , é como se tiivese tirado um peso das costas dos caras , fluíram em campo campo com desenvoltura, parece que jogaram pro alto todas aqulelas amarras do Abelão, quele ngócio que ele eles chamam de tática , esquema de jogo e sei lá o que mais , vai ver que é e essa “organização” e que traz a desorganização, jogaram bem, descontraídos como há muito não se via, aquele negócio daquela saltitante sexióloga que trambém é senadora ,,,relaxa e goza

  • author avatar
    Rasiko 3 meses ago Responder

    Melhor jogo do Flamengo no ano. Dois gols de vídeo-game e muitos outros perdidos no estilo que a torcida gosta: triangulações, letras, calcanhar, finalizações. O Fera é fera. Só falta tirar o Arão (é impressionante como ele repete o erro de não voltar deixando crateras na defesa e parece que não tem ninguém pra corrigir o cara) e o Pará. O lateral que veio do B>angu e o Mateusinho não podem ser piores que o Pará. Não é possíve.

    srn p&a

Deixe seu comentário