República Paz & Amor

Por favor, aguarde...

República Paz & Amor

A frieza dos senhores gestores

Por | 17 de junho de 2019
blogger-image-1452898222
40 Comments
  • author avatar
    Felipe 4 meses ago Responder

    Já está mais que na hora de buscar o Flamengo da mão desses dirigentes inferiores. Com a desculpa de sempre olhar para o passado querem nos convencer que essa gestao ignóbil É a melhor possível ante o abismo.
    Balela. É possível fazer mais e melhor. O clube pode muito bem manter o bom cuidado com as finanças sem perder de vista os valores humanos e o real patrimônio do clube.

    Como bom milicianos que são querem nos convencer que temos que aceitar seu tráfico de drogas a céu aberto ou a volta de bandidos.

    Pra quem não caí em papinho frouxo, sabe que nao existe diferenca entre entre afundar em dívida e afunda nas dúvidas. Não a toa estamos quase uma década sem títulos expressivos (coisa impossivel, mesmo em tempo de crise financeira).

    No fim das contas esses dirigentes e seus apoiadores acham de bom tamanho matar promessas em bunklers a deverem dinheiro pra banco. Puro e simples.

    Pra quem tem caráter os dois crimes são ridículos e nao precisamos nos apequenar conseguirmos o nosso melhor. Não precisa ser uma coisa ou outra. Pode muito bem ter os dois!

  • author avatar
    Aureo Rocha 4 meses ago Responder

    The Tropper, creio que você não conseguiu entender o meu comentário.
    Em momento algum deixei transparecer que eu tivesse “tanta certeza sobre a culpa do Flamengo no episódio em questão”, como você alega.
    Porque a culpa não foi do Clube de Regatas do Flamengo, porém do prepotente Wallim Vasconcellos, que numa decisão própria, desacompanhada do necessário aval do Departamento Jurídico, escalou o sabidamente suspenso, André Santos.

    Portanto, jamais pretendi, como você afirmou, “denegrir a imagem do Flamengo” (com toda a força do racismo que o termo citado por você carrega).

    Minha intenção foi simplesmente macular o caráter do Wallim Vasconcellos.

    Quanto às atuais questões políticas, o curso da História se encarregará de narrar a verdade dos fatos, que hoje poucos conseguem enxergar.

    • author avatar
      The Trooper 4 meses ago Responder

      Vc defende que utilizar a palavra “denegrir” é racismo, embora a mesma conste dos dicionários e não tenha nada a ver com tratamento desigual às pessoas em razão de sua etnia.

      Mas acha normal “macular a imagem” de alguém baseado apenas em suposições, simplesmente porque vc não vai com a cara da pessoa.

      Você tem um problema sério, rapaz.

      • author avatar
        Aureo Rocha 4 meses ago Responder

        The Tropper,
        mesmo que a palavra “denegrir” conste nos dicionários oficiais, deveríamos tira-la da nossa fala, por ser uma expressão racista.

        “‘A escravidão negra é um capítulo muito marcante da história do Brasil. A influência desse período está presente, inclusive, no vocabulário da língua portuguesa.

        Não se sabe a origem exata de várias expressões que usamos no dia a dia, mas algumas delas podem ser consideradas ofensivas por lembrarem de situações diversas – e na maior parte das vezes muito dolorosas – que foram vividas por negros ao longo da história.

        Por isso, assim como precisamos deixar para trás preconceitos que surgiram durante a escravidão, podemos repensar algumas palavras que usamos.” (internet)

        Eis algumas expressões que podem ser consideradas racistas e que deveríamos tirar de nosso vocabulário:

        “Denegrir – De acordo com o dicionário Michaelis, a palavra significa “tornar negro” ou “difamar”. O dicionário dá conta que há duas formas corretas de escrever o termo: denigrir e denegrir. Ambas as palavras, no entanto, tem o latim “denigrare” como origem. A expressão é ofensiva porque considera algo negro como negativo.

        Mercado negro, lista negra, ovelha negra – assim como em “denegrir”, o uso do adjetivo “negro” em palavras como “mercado negro”, “lista negra” e “ovelha negra” tem peso muito negativo, tornando-o pejorativo. Esse juízo de valor acaba afetando também as pessoas negras, reforçando o preconceito estrutural.

        Trabalho de preto – De acordo com a crença popular do século 19, escravos eram preguiçosos e burros, ou seja, não desempenhavam bons serviços. Por isso, ao dizer que algo é um “trabalho de preto”, você está dando a entender que a atividade foi tão mal concluída que só poderia ter sido feita por uma pessoa negra.”

        Negro de alma branca – caracteriza de uma forma absurda que as boas virtudes encontram-se no branco, enquanto tudo que há de ruim, no preto.

        Mudando para a outra questão, eu não venho metendo o pau no Wallin Vasconcellos por meras suposições.
        Esse imbecil determinou a escalação do André Santos – quando todo o meio esportivo sabia da sua suspensão – colocando em risco a permanência do Flamengo na primeira divisão.
        Os antis afirmam até hoje que o Flamengo armou a escalação do Héverton para não cair para a segunda divisão.

        E somente por esse motivo, esse babaca já merece receber todas as adjetivações desabonadoras possíveis, até porque ele jamais veio a público explicar o porquê dessa “desastrada” escalação.
        E porque jamais foi oferecida a versão oficial desse fato, qualquer torcedor passa a ter o direito de apresentar a sua teoria.

        Mas, você que defende tanto o Wallim, diz aí: qual a razão dele ter mandado escalar o André Santos?

        • author avatar
          Muhlenberg 4 meses ago Responder

          Adicione o verbo judiar e seus derivados à sua lista.

        • author avatar
          The Trooper 4 meses ago Responder

          Agradeço pela aula não solicitada, mas etimologia é assunto sério, que prefiro deixar para especialistas no assunto.

          Usei o verbo denegrir no sentido de difamar, que é um significado descrito nos dicionários e ensinado nas escolas.

          Se vc dá outro sentido, pra querer dar lição de moral nos outros, o problema é único e exclusivo seu.

          Eu nunca me senti ofendido com essa palavra, e nem me sentirei apenas porque um terceiro diz que eu devo sentir. O que me ofende é o vitimismo, ainda mais quando usado pra fins políticos.

          Outro dia alguém inventou que a palavra “mulato” deriva de “mula” e, por isso, os pardos (90% da população brasileira) deveriam se sentir ofendidos com ela.

          Pessoas que possuem no mínimo dois neurônios capazes de realizar uma sinapse riram do ridículo.

          Outras, resolveram passar a se sentir ofendidas com a expressão, sem ao menos pesquisar sua origem, o que é possível fazer em 10 segundos, com um clique no Google.

          Cada um na sua. Mas se vc acha racista utilizar o termo mulato, não o utilize. Simples assim.

          Agora, qualificar o discurso alheio como racista por isso, apenas demonstra o nível rasteiro e antiético da tua argumentação. Ainda mais quando desconhece a etnia do interlocutor.

          Simplesmente, ridículo.

  • author avatar
    pedro rocha 4 meses ago Responder

    Esse tipo aí que tá tumultuando aqui o ambiente do blog é o tipo que que vai no show do Roger Waters e fica surpresa com o posicionamento crítico aos líderes de direita. Consigo imaginá-lo bradando: “Para com isso! Paguei caro no ingresso. Tem que tocar tua música. Deixa a política de lado”.
    Ou seja: o cara não tá entendendo NADA. Mas é todo argumentativo. Vai procurar um blog com escritores e comentaristas alinhados ao governo atual, cara. Duvido que tenha a mesma qualidade do RP&A.

    • author avatar
      The Trooper 4 meses ago Responder

      Boa garoto!!! Tu é bom mesmo.

      Acertou, fui no show do Roger Waters.

      Errou no que tange a eu ter ficado surpreso. Ao contrário de vc, que acha bonitinho ser preconceituoso e fazer pré-julgamentos, eu conheço o trabalho do cara e já tinha ido a shows dele antes.

      Quanto à tua sugestão de eu ir embora, agradeço, mas vou ficar.

      Mas como sou um cara educado, vou te dar uma sugestão também. Aprenda a lidar com o contraditório. Não ofenda e nem mande os outros embora apenas porque não concordam vc. Em vez disso, apresente argumentos. Não seja um fascista.

  • author avatar
    Aureo Rocha 4 meses ago Responder

    Bem, política vou deixar passar batido, porque, de centro-esquerda, eu sei que irei acabar provocando os radicais da direita.

    Mas, nesta questão da escalação do André Santos me interessa o debate.

    Lendo a reportagem trazida pelo The Tropper, pude verificar de cara um equívoco. Diz lá o comentarista esportivo:

    “O Flamengo só entrou em campo para enfrentar o Cruzeiro às 19h de sábado (7/12/2013). Ou seja, se é que houve a percepção de alguém do Flamengo de que havia sido cometida uma falha – de usar o lateral-esquerdo André Santos suspenso -, isso certamente não foi percebido antes de a bola rolar.”

    Ora, toda a argumentação dessa reportagem vai por água abaixo, uma vez que até as crianças que estavam naquele dia no Maracanã já sabiam que o André Santos estava jogando suspenso, isto porque o site o “Lance”, já havia noticiado com antecedência, ou seja, na sexta-feira, que:

    “O técnico do Flamengo, Jayme de Almeida, ganhou um desfalque de última hora para o duelo com o Cruzeiro. O lateral-esquerdo André Santos, que foi expulso no segundo jogo da final da Copa do Brasil, contra o Atlético-PR, foi julgado na tarde desta sexta-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva e recebeu um jogo de suspensão. Como a Copa do Brasil se encerrou naquela partida, o jogador rubro-negro terá de cumprir a punição na última rodada do Campeonato Brasileiro.”

    https://www.lance.com.br/todos-esportes/suspenso-andre-santos-nao-enfrenta-cruzeiro-pelo-brasileirao.html

    Todos sabem que a escalação do André Santos foi imposta pelo Wallim Vasconcellos, então diretor de futebol, que deixou de consultar o Departamento Jurídico do Clube, conforme assegurou o Miguel Assef Filho, este já sabedor de que o André Santos estava suspenso.

    O mais grave disso tudo é que se a Portuguesa não tivesse escalado o Héverton, o Flamengo seria o rebaixado. Mas, alguém acredita que se o Wallim não soubesse que o Héverton iria jogar no dia seguinte, ele mandaria escalar o André Santos? Somente bobo não vê que já estava tudo previamente armado, é claro.

    Por outro lado, se nem Flamengo, nem Portuguesa, tivessem escalados jogadores sabidamente suspensos, quem cairia seria o Fluminense.
    Aí, eu pergunto: a quem não interessaria ver Vasco, que já estava rebaixado, e Fluminense, ambos jogando na segunda divisão?
    Cada um que tenha a sua própria resposta.
    Eu não tenho a mínima dúvida de que armaram para livrar o Fluminense do rebaixamento.

    A partir desse tenebroso episódio, da mesma forma que o meu querido amigo, Carlos Moraes, eu também passei a não mais confiar nessa turma do WALLIM, BAP & CIA.
    E a pá de cal veio agora com o comportamento do Rodolfo Landim, na questão da morte dos meninos da base no incêndio do Ninho e da sua atuação política, que eximiu o Clube da responsabilidade nas homenagens ao jovem remador Start Angel, em nota oficial, mas se calou quando membros da diretoria participaram de solenidades oficiais com políticos da extrema direita, num nítido apoio partidário.
    Eu entendo que o vale para um lado deve valer para o outro.

    Porém, como já diziam meus pais: “não há bem que sempre dure, nem mal que nunca se acabe.” Estes dias sombrios em que atualmente vivemos logo passarão, e ainda riremos disso tudo.

    In Jesus We Trust.

    SRN!

    • author avatar
      Aureo Rocha 4 meses ago Responder

      Aí, eu pergunto: a quem não interessaria ver Vasco, que já estava PRATICAMENTE rebaixado, e Fluminense, ambos jogando na segunda divisão?

      • author avatar
        Carlos Moraes 4 meses ago Responder

        Não vou bater palmas, para não ser repetitivo.

        Vou tão somente afirmar que lamento não ter capacidade de escrever de forma tão brilhante.

        Parabéns efusivos !

        SRN
        FLAMENGO SEMPRE

        • author avatar
          Aureo Rocha 4 meses ago Responder

          Obrigado pelo elogio, meu caro Carlos Moraes. A recíproca é verdadeira.

          Fraternais saudações Rubro-Negras.

    • author avatar
      The Trooper 4 meses ago Responder

      O experimento sociológico segue apresentando resultados claros, mas nada surpreendentes.

      Os defensores da paz, do amor e da Democracia me xingam de tudo, sem que eu tenha proferido 1 (um) só xingamento. E o comentarista está precupadíssimo em não provocar os “radicais de direita”. KKKKK

      Prezado, já que vc tem tanta certeza sobre a culpa do Flamengo no episódio em questão, por que não se une ao Carlos, o outro “centro-esquerda preocupado com radicais de direita do blog” que desde que cheguei aqui só vejo fazer comentários contra o Flamengo e defendendo bandido do PT, e levam ao Ministério Público suas suspeições e provas?

      Ajudem a justiça a ser feita nesse país injusto. Quem sabe, não conseguem a tal almejada condenação do Flamengo.

      Aproveitem e levem também o autor do texto para levar as provas dos graves crimes do Moro, do Bozo fazer parte de grupo de extermínio e, claro da inocência do Lula.

      Se possuem tais provas e ainda não as apresentaram ao MP, estão se omitindo. O que é lamentável.

      Se não possuem, e são só suposições, por que estão denunciando essas coisas como se fossem fatos? Qual é o interesse? Denegrir a imagem da instituição, apenas?

      Denunciar sem provas é ato mais repudiável ainda (isso sim, Carlos Moraes. Brincadeiras centenárias entre torcidas, não).

      Até entendo que queiram denegrir a imagem do Bonossauro e Moro, afinal vcs não votaram nele e não aceitam a derrota nas urnas e não aceitam a condenação em 3 instâncias do ídolo de vcs, que completou essa semana uma dezena de processos como Réu e conta com mais de 10.000 páginas de provas nos autos. Tá querendo concorrer com Sérgio Cabral.

      Mas a imagem do Flamengo???

      Nunca entenderei.

      Mas podem ficar tranquilos que não os incomodarei mais com meu “radicalismo de direita”. Já teve até um cara aí que disse que eu “enveneno o blog” desde os tempos de sei lá o quê. Outro doce defensor da paz e do amor. Boa detetive, sabe tudo hein. KKKKK

      Só digo uma coisa: se preparem, pois o futuro do Flamengo é glorioso e vcs verão os membros dessa diretoria “radical de direita” darem voltas olímpicas muitas vezes.

  • author avatar
    The Trooper 4 meses ago Responder

    Os últimos posts do blog, nos quais bons escritores infelizmente optaram por misturar suas opiniões políticas às análises sobre o Flamengo, proporcionaram, por outro lado, um excelente experimento sociológico.

    Vejam que em nenhum dos meus comentários proferi um insulto sequer contra qualquer um dos debatedores.

    No entanto, já fui chamado de fascista (oh surpresa, kkk), idiota, favorável à pena de morte, cidadãozinho pertencente à massa acéfala seguidora da Rede Globo (esse último achei criativo) e, claro, uma sugestão para calar a boca e apenas falar de futebol.

    Até meu Nick Name foi criticado, por – na cabeça de quem criticou – referir-se à polícia, e isso ser uma coisa ruim. Vai entender.

    Tal fato mostra bem a pacificidade, a tolerância e a capacidade de argumentação frente ao contraditório dos que dizem defender a democracia. Muito democráticos. Parabéns.

    Apesar disso, ainda fui brindado, com um pedido de “não misturar política com futebol” e “ter mais paz e amor no coração”, por tal de Chacal. KKKKKK (criticam meu Nick Name, mas esse daí me parece bem mais opressor hein)

    Enfim, é o famoso acuse-os do que fazemos, chame-os daquilo que somos.

    A esquerda é craque nisso.

    Continuem me xingando aí. Ninguém será respondido à altura. Tenho educação.

    Ninguém, à exceção de um: Carlos Moraes. O que defende cancelamento de PST, boicote a jogos e acusa o Flamengo de envolvimento no caso Heverton, sem qualquer justificativa, além de me chamar de babaca.

    Cara, vc não pode ser Flamengo.

    • author avatar
      Carlos Moraes 4 meses ago Responder

      Enfim, temos opiniões idênticas.

      Também penso da mesma forma.

      ^Cara, vc não pode ser Flamengo.^

    • author avatar
      chacal 4 meses ago Responder

      meu caro,não é por causa de um nick name que a pessoa passa a ser respeitada .
      vc com seu discurso boboca, pode colocar um nick name de madre tereza de calcúta que ninguém vai te achar um cara legal.

      SRN !

  • author avatar
    Gilberto T. Santos 4 meses ago Responder

    Lamentável como o República Paz e Amor está virando uma comunidade política ao invés de futebolística, não dá para confiar em nada do que esse tal Ladrilheiros escreve!
    SRN!

  • author avatar
    The Trooper 4 meses ago Responder

    Eu aqui com síndrome de abstinência do Mengão, louco pra acabar logo essa Copa Patética pra ver o Flamengo jogar de novo, com grandes chances de título tanto na Libertadores como na Copa do Brasil, em que pegaremos duas carnes assadas nas próximas fases, e vcs aí:

    “Ainnn, a diretoria não fez homenagem pra guerrilheiro que dirigia grupo que queria implantar ditadura comunista. Vou cancelar PST”

    “Ainnn, um dirigente do clube tirou foto com o Bozo, que é serial killer, não vou mais a estádio”

    “Ainnn, a empresa que o Flamengo contratou para gerir seu marketing não usa o termo favela por ser considerado politicamente incorreto. Vou mudar de time”

    Que patético.

    A diretoria atual fez ótimas contratações, baixou o preço dos ingressos, o Flamengo enfim tem estádio e joga com Maracanã lotado jogo sim, jogo também, estamos ganhando títulos, estamos classificados em todos os campeonatos que disputamos, estão chegando reforços pra posições carentes, temos um treinador de uma escola europeia de referência e vocês aí nesse mimimi sem sentido, apenas porque não admitem que a diretoria não seja de esquerda.

    Uma dica: parem logo de torcer pra um time comandado por essa diretoria fascista. Cancelem PST, sumam dos estádios, torçam para um time mais afeito aos seus ideais políticos. Sugiro o Corinthians, com seus Lulas, Andrés Sanches e outros eméritos esquerdistas. Vale a pena, eles ganharam campeonatos brasileiros com juiz comprado e até um estádio superfaturado construído com dinheiro público por uma empreiteira corrupta. Uma maravilha. Lá é todo mundo pró Lula Livre.

    Mas na torcida do Flamengo, vcs não passam de uma pequena minoria. Não farão falta.

    Só não quero ver ninguém comemorando título do Flamengo aqui no fim do ano hein.

    É proibido torcer para o sucesso dessa diretoria de riquinhos capitalistas fascistas do Flamengo, assim como é proibido torcer para o sucesso do governo Bolsonaro.

    Sejam coerentes.

    • author avatar
      Carlos Moraes 4 meses ago Responder

      Curta e rapidamente –

      UM TREMENDO BABACA !!!

      • author avatar
        Xisto Beldroegas 4 meses ago Responder

        Pois, Carlos, pelo estilo truculento como o próprio nick sugere me parece que esse cara já é velho conhecido aqui desde o antigo blog do Urubu, pelo estilo não me parece estranho, ele já envenenava o blog sob outro codinome, trata-se, pois, de mais um com a característica típica, não construir, só destruir e semear o ódio. Depois ele comemora satisfeito. Conselho do meu medianeiro rato-mestre Miki, sugando o Ibrahim: “os cães ladram, enquanto a carruagem passsa…”

      • author avatar
        Rasiko 4 meses ago Responder

        BOTA BABACA NISSO!!!

        O CARA É UM IDIOTA CONVICTO COM CARTEIRA ASSINADA.

  • author avatar
    mimimi 4 meses ago Responder

    mimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimi

    Mimimi

    mimi

    mi

  • author avatar
    The Trooper 4 meses ago Responder

    Mais inacreditável que um texto recheado de acusações cuja fonte são vozes na cabeça do autor, afirmações do mundo da lua como “a diretoria tem que pagar qualquer valor que pedirem”, como se o patrimônio do clube pertencesse exclusivamente a eles e não à coletividade de seus sócios, e de difamação gratuita da imagem do clube e de sua torcida, são as manifestações de “aplausos de pé” e “bravos” dos comentaristas.

    A propósito, nem parece que os que foram denunciados por culpa no incêndio foram os membros da diretoria anterior.

    Não surpreende que esse fato não tenha sido citado, porque o objetivo óbvio do texto é único e exclusivamente usar o Flamengo pra fazer manifesto político e atacar a diretoria atual porque ela não se mostra com viés esquerdista.

    Afinal, para os fanáticos e intolerantes que não aceitam a derrota nas urnas, todo mundo é obrigado a ser de esquerda. Ou é automaticamente fascista.

    Transformar o Flamengo em palanque pra ativismo político não é nenhuma novidade, vários fazem isso desde sempre. É uma puta sacanagem com quem pensa diferente, porque Flamengo é pra ser um time de futebol e ter uma torcida, e não um partido político e ter correligionários e cabos eleitorais. Mas quem tem espaço na mídia faz o que quer, e quem quer lê, quem não quer vaza.

    Agora, denegrir a imagem do clube gratuitamente, em um site público, porque não gostou da fotinho do Brás, ou acha que o clube é obrigado a promover evento pra ex-guerrilheiro, dirigente do MR-8 (pra quem não sabe quem foi Stuart Angel), grupo que praticava guerrilhas, assaltos, sequestros, assassinatos e demais atos que a legislação atual classifica como terrorismo, é passar dos limites.

    Lamentável o espaço concedido pelo blog para um texto dessa natureza. Mais lamentável ainda a reação dos comentaristas, que se gabam de serem grandes flamenguistas, mas não pensam 2 vezes antes de pixar a imagem do clube e fazer campanha prejudicar o Flamengo, com cancelamento de sócio-torcedor e não comparecimento ao estádio (como fez o tal de Carlos), porque um dirigente tirou uma foto com o político que ele não gosta, que por sinal é o presidente do país.

    Achei que aqui fosse um lugar de grandes flamenguistas, mas evidentemente me enganei. Deve ser um grupo do PSOL.

    • author avatar
      Rasiko 4 meses ago Responder

      Cara, pelo que leio, o único que faz proselitismo político partidário aqui é você. Quem se identifica com uma das bandas podres (ambas são) é você. Quem troca alhos por bugalhos, dizendo que a instituição CRF está sendo denegrida, quando são seus dirigentes que estão sendo julgados, é você. Quem não entendeu que tanto a administração passada quanto a atual falharam miseravelmente no que diz respeito ao cuidado com os meninos, de novo – surpresa! – é você. Portanto, não projete nos outros as idiotices que você escreve.

      Sugiro que volte a comentar futebol. Até que não estava indo mal.

      srn p&a

    • author avatar
      Carlos Moraes 4 meses ago Responder

      Há que se reconhecer que, apesar do montão de besteiras, o cara escreve e argumenta bem.

      A lamentar, de início, o nickname escolhido, próprio de quem ama atitudes policialescas, aliás bem de acordo com o ^adorado^ político, ^que por sinal é o presidente do país^, mas com forte viés miliciano, independentemente do alto cargo ocupado.

      Para não me estender muito, vejo que o ilustre comentarista é ainda mais violento que um dos auxiliares diretos do ^adorado^ que já se manifestou, ao arrepio da nossa Lei Maior, favoravelmente à pena de prisão perpétua.
      Já o ilustre comentarista é favorável à pena de morte, que, à exceção da deserção em tempos de guerra, SEMPRE foi desprezada, pelos legisladores deste País.

      Diga-me com que andas que eu te direi quem és.

      • author avatar
        Carlos Moraes 4 meses ago Responder

        Quanto ao Sócio Torcedor, de há muito cancelei o meu.

        Foi suficiente o escândalo que não se quiz apurar do caso André Santos.

        • author avatar
          The Trooper 4 meses ago Responder

          https://esportes.yahoo.com/noticias/flamengo-nao-teve-qualquer-participacao-no-caso-heverton-090000486.html

          Se o caso Heverton fosse apurado, os Réus seriam Fluminense e Portuguesa. Ver um flamenguista levantando suspeitas fundadas em vozes na cabeça contra o próprio clube pelo qual se diz fã é bem feio.

          Espero que a explicação contida na matéria acima ajude-o a elucidar suas suspeitas e você volte para o PST, para ajudar o clube, em vez de ficar de mimimi na internet.

          • author avatar
            Carlos Moraes 4 meses ago

            Li a matéria.
            Cada um interpreta da forma que quer e que acha mais lógica.
            Anos atrás, escrevi muito a respeito.
            Não vou me estender, pelo que procurarei ser bem objetivo, o que não é o meu forte.

            1 – Em tudo e por tudo o grande responsável pela panacéia foi o dirigente rubro-negro Wallim de Vasconcellos, o verdadeiro Primeiro Ministro, até então, do Império da Nação.

            2 – Na semana dos fatos, Wallim deu tranquilamente entrevista à imprensa esportiva lamentando o mais do que provável rebaixamento de dois times grandes, ambos do Rio de Janeiro, o Vasco e o Fluminense.
            Afirmou que isso causaria um tremendo prejuízo financeiro a todos demais clubes, notadamente os cariocas,
            Embora estivesse certo em seu raciocínio, não poderia tomar atitudes para impedir que a ^tragédia^ viesse a se consumar.

            3 – No sábado, dia do jogo contra o Cruzeiro (que acabaria por consagrar o César), estava assistindo o pré-jogo pela TV, oportunidade em que o locutor informou a confirmação da presença do jogador André Santos, APESAR de ter sido SUSPENSO na véspera, demonstrando surpresa.
            Informou também que a matéria fora levada à apreciação da cúpula diretiva do nosso clube, que garantiu a presença do jogador,

            4 – De imediato, fiquei preocupadíssimo, pois seria de todo EVIDENTE que perderíamos pontos, ganhos ou não.

            5 – No domingo, ocorre a inusitada escalação do jogador Heverton, também suspenso.
            A Portuguesa, evidentemente, perderia também os pontos.
            Era notório que o Presidente do clube paulista era um picareta, altamente endividado, a sugerir que estivesse mais do que propício a receber propina, com isso facilitando a vida tricolor.

            6 – O Fluminense, por sua vez, precisava ganhar do Bahia. No primeiro tempo, levou um banho de bola e sofreu um gol.
            Com muita surpresa, virou o jogo na etapa final.
            Algo que também deveria ter sido apurado.

            7 – De correto, no artigo citado, a loucura que um certo torcedor tricolor, ouvi dizer que se tratava de um antigo PM, passou a fazer via internet. Foi um autêntico precusor do que viria a se repetir nas últimas eleições brasileiras.

            8 – Tenho para mim que tudo foi apurado para não se achar o responsável, o que não seria novidade. Dei, à época, um exemplo histórico, válido até hoje. Recomendei a leitura do excepcional trabalho do Rubem Fonseca, entitulado AGOSTO, que virou mini-série, de ótima categoria, na Rede Globo.
            Um livro altamente esclarecedor das mumunhas políticas deste nosso país, que continuam – E COMO ! – até os nossos dias.

            Procurei ser objetivo.
            Continuo achando que houve uma combinação de irregularidades e de resultados, com a total participação e responsabilidade do Sr. Wallim, por sinal envolvido, no governo FHC, em graves problemas de improbidade administrativa, até hoje sem julgamento definitivo, por motivos que todos sabem mas não podem revelar, bem ao contrário do que vem acontecendo mais recentemente.

            Para terminar, uma palavrinha a respeito dos PSTs, de todos os clubes.
            Tenho severas dúvidas a respeito de tais Programas.
            Cada vez mais, chego à conclusão de que se trata do principal motivo da elitização que, acentuadamente, vem ocorrendo no futebol brasileiro, expressivamente no tocante à nossa torcida.
            Como se trata de outro papo, fico por aqui.

            SRN
            FLAMENGO SEMPRE

  • author avatar
    RICARDO CARVALHO 4 meses ago Responder

    Os “Blues” não são nada diferentes dos dirigentes que o Flamengo teve em seus 124 anos de existência, exceto pela competência financeira e visão empresarial que os amadores que dirigiam o clube, principalmente em décadas recentes, não tinham.

    A arrogância e a presunção que vc apontou nesses dirigentes sempre existiu no clube. O Flamengo sempre foi dirigido por homens brancos das classes mais favorecidas e, portanto, distanciados da realidade das classes mais pobres.

    Essa indiferença em relação aos meninos do Ninho é vergonhosa – para nós torcedores -, mas totalmente lógica para eles. Afinal, eles consideram que as indenizaçãoes pagas em casos semelhantes são muito inferiores as exigidas pelo MP.

    E como todos sabemos, CNPJ não tem coração.

    Outra é a postura dos torcedores conscientes do clube que consideram um acordo pelas vidas perdidas como obrigatório. E talvez baste um bom ano futebolístico do clube para parte da torcida esquecer dessa tragédia, que nossos adversários jamais esquecerão.

    CNPJ não tem coração, mas o CLUBE DE REGATAS FLAMENGO deveria ter! Por respeito a sua gente.

    Encontrar a justa indenização para as familías é essencial. Nós cobraremos.

    SRN

    • author avatar
      RICARDO CARVALHO 4 meses ago Responder

      “exigidas pelo MP” leia-se: exigidas pela Defensoria Pública.

  • author avatar
    pedro rocha 4 meses ago Responder

    Como diria – e certamente dirá nesse caso – o nosso grande Carlos Moraes:
    – Bravo! Bravíssimo! Palmas de pé, como nos tempos do Municipal!

    • author avatar
      Carlos Moraes 4 meses ago Responder

      Acertou em cheio !!!!!

  • author avatar
    Rasiko 4 meses ago Responder

    BRILHANTE! MUITAS VEZES, BRILHANTE!

    Assino embaixo até rasgar o papel.

    Olha que, como é sabido aqui no RP&A, sempre fiz oposição ao Bandeira como caráter, mas essa nova direção extrapolou qualquer limite de (in)decência.

    O papel desses caras no episódio do incêndio foi simplesmente revoltante e abjeto. Podem pagar 80 milhões por um jogador cujo valor até agora não foi confirmado, mas regateiam 57, como queria o MP, por vidas que foram perdidas pelo descaso desses mesmos homens.

    Não se pode colocar a responsabilidade só sobre o Bandeira. O Landim também estava ciente da situação – se não estava, deveria, por óbvio, também estar – e nada fez pra antecipar a ida dos meninos pro novo CT, especialmente porque era período de férias e os profissionais não estavam ocupando as instalações.

    E um nome pouco comentado – Carlos Noval – está entre os mais responsáveis, senão o maior. Ele sabia exatamente qual era a situação dos meninos. E nada fez.

    Sem desculpa nem perdão.

    srnp&a

  • author avatar
    Jean 4 meses ago Responder

    Quanta bobagem. Vc deveria ter provas pra falar que alguém está ligado a grupo de extermínio ou a milícias.

  • author avatar
    Mauricio Carrilho 4 meses ago Responder

    Belíssima crônica! Parabéns!

  • author avatar
    The Trooper 4 meses ago Responder

    O autor é cronista e potiguar.

    O autor também inventa, da cabeça dele, que o presidente é ligado grupos de extermínio e que o ministro Sérgio Moro é acusado de graves crimes.

    Não sem antes repetir o velho mantra que “vidas não tem preço”, mas que os dirigentes deveriam aceitar pagar qualquer valor que a Defensoria Pública pedisse, como se não fosse seu dever funcional zelar pelo patrimônio do clube, sob pena de responderem com os seus próprios.

    Na verdade, apenas mais um texto em desagravo em clube, por questões políticas.

    Afinal, se a diretoria não é composta por esquerdistas, então meta-se o pau no clube. Esculache-se a instituição Flamengo. E, se possível, tente estender a suposta “vergonha” a toda a torcida.

    Vergonha é esse texto.

    Lamentável sob todos os aspectos. Inacreditável que tenha sido escrito por um flamenguista.

    • author avatar
      Rasiko 4 meses ago Responder

      Maior patrimônio do clube eram os 10 garotos queimados no micro-ondas pela irresponsabilidade dos seus dirigentes. Ou será que dá pra comparar patrimônio material com vidas humanas? E não é a instituição que está sendo esculachada, mas os homens que assumem o poder dentro dela e se acham donos do que não lhes pertence. Como bem disse o Xisto, o teu olhar é vesgo pra questões relevantes.

      • author avatar
        The Trooper 4 meses ago Responder

        Vc, Rasiko, que já me chamou de vesgo, idiota e babaca, sem que eu sequer tivesse dirigido a palavra a vc:

        1- Diz que “vidas não tem preço”, mas as qualifica a “patrimônio” e diz que pagando tá tudo resolvido.

        2- Vc diz que as mortes foram causadas por irresponsabilidade dos dirigentes, quando há uma investigação ainda não concluída em curso. E relacionada aos dirigentes anteriores, não aos atuais.

        3- Vc afirma que “os homens que assumiram o poder se acham donos do que não lhes pertence”, ao menos tempo que defende que deveriam dispor dos recursos do clube ao seu bel prazer. Defende que, se um pai de uma vítima pede 1 bilhão, paga-se 1 bilhão. Dane-se a justiça, danem-se os sócios, o que importa é tornar alguém bilionário para compensar a perda de uma vida que “não tem preço”.

        Eu não vou explicar tuas contradições absurdas, expostas na lista enumerada acima, porque, já que vc chama com tanta tranquilidade os outros de idiota, deve ser capaz de, sozinho, percebê-las.

        Se não conseguir, aí pergunta que eu te explico de novo. Mas seja humilde e educadinho, que vc não é um cara radical, certo?

  • author avatar
    Xisto Beldroegas 4 meses ago Responder

    Está tudo aí. Definitivo. Não se precisa dizer mais nada sobre o trágico acidente e até sobre as entranhas atuais do clube. Parabéns.

  • author avatar
    Carlos Moraes 4 meses ago Responder

    SIm, meus amigos.
    Eis que surge um artigo totalmente diferenciado de tudo até então escrito neste espaço que, além de ser Flamengo, não deixa de ser revolucionário., pelo que se torna muito importante para todos nós, antes de tudo admiradores dos componentes desta República, que procura ser mesmo de Paz e Amor.

    Um artigo sem rebuscamento, pé no chão, como gosto de definir.
    Tem lá seus exageros, exatamente no início, quando parecia caminhar no sentido de uma elegia aos azuis, que, pelo menos para mim, já tinham sido suficientemente indignos, no episódio lamentável envolvendo a escalação de um jogador suspenso, o André Santos, que, em última análise, também pela intervenção de um patife de quinta categoria que estava à frente da própria ^vítima^, acabou sendo o atestado de óbito de um clube tradicional, embora decadente, qual seja a Portuguesa de Desportos.

    Da minha parte, sem considerar um certo desajustado que acabou sendo afastado da Presidência do clube, jamais presenciara um episódio tão lamentável envolvendo o nosso nome.

    Nunca me senti responsável pelas nossas dívidas, bastando as minhas. ao contrário do articulista.
    O episódio dos meninos, no entanto, trouxe-me insuperável tristeza, pois aí, mais do que tudo, tratava-se de total desprezo por vidas humans, pior ainda, de menores de idade, que estavam sendo tutelados pelo clube.
    Já escrevi muito aqui no RPA, sem o talento do Xará Fialho.
    Afirmei até mesmo que, em princípio, além da indubitável responsabilidade civil, muito provável também seria a responsabilidade penal, como agora acabaram de entender as autoridades policiais, esperando-se que as do Judiciário não decepcionem.

    Não há comparação em um episódio envolvendo DEZ mortes com qualquer outro, mesmo que também grave,
    Assim sendo, a covardia moral no caso do Stuart Angel fica, obrigatoriamente, em plano diferenciado.
    Reflete, no entanto, a pusilanimidade dos nossos Diretores, acostumados à insensibilidade que lhes proporciona o objetivo único de lucro desmedido.

    Muito mais, sem dúvida, poderia ser escrito, mas atingir o brilhantismo do artigo em si parece-me impossível.

    Palmas, palmas de pé, gritando bravos e pedindo bis, como nos velhos tempos do Theatro Municipal.

    SRN
    FLAMENGO SEMPRE

Deixe seu comentário