República Paz & Amor

Por favor, aguarde...

República Paz & Amor

1 Comments
  • author avatar
    Xisto Beldroegas 3 meses ago Responder

    A conclusão mais importante que se possa chegar após a participação do Flamengo nesse esquisito torneio é que a distância que separa nosso time reserva, ou lá que diabo seja chamado, de nosso primeiro time atinge dimensões galáticas, ou seja, não temos substitutos à altura dos assim chamados titulares, o que é pra lá de grave, já que os nossos, vá lá, titulares já não são essas coisas. As nossas “revelações” quando jogam juntas formam assim algo amorfo, uma ameba jogando seus pesudópodos tentando fagocitar uma pobre bola (epa! essa foi phoda, assim mesmo com ph, tirada lá do meu tempo que ainda se estudava biologia). Bem, resta a figura de nosso Muralha. A primeira conclusão que se chega é que ele se chama “Muralha”, e acredita-se que seu narcisismo não possa ter chegado a esse ponto de se autodenominar “Muralha”, alguém deve ter botado esse apelido e pela trajetória do cara não foi lá sem razão: ele chegou à seleção brasileira por suas atuações no Flamengo e, portanto, conclusão óbvia, ele foi contratado pelo Flamengo, novamente uma obviedade, o que também não quer dizer nada, haja vista “ourtros gênios da pelota” que perambulam lépidos e fagueiros, deslizando pelos gramados subalternos de nosso pródigo CT. Os especialistas rubro-negro em contratações não se caracterizam por seus critérios, assim, como direi, é fico nesse sutil como direi…Uma outra conclusão lógica e bastante frustrante é que dos três goleiros em pauta (revisor, pauta e não…) o Paulo Vitor era o melhorzinho. Coisa curiosoa, o PV caiu em desgraça engolindo muito menos frango e até agarrando alguns pênaltis do que o Muralha e o nosso Thiago, pasmem! está sendo posto em dúvida sem sequer ter engolido um frango, pelo menos desses cabeludos, ou seja, penosos, do Murarlha, mais uma barração preventiva imposta pela torcida mais atuante do planeta. O que aliás, no Flamengo não ´causa surpresa, vide o fenômeno Márcio Araújo, Gabriel, etc.,etc., etc.

Deixe seu comentário